Terça-feira, 22 de Março de 2011
comfort people

há dias em que adorava chegar a casa e ter alguém à espera. não precisava de ter a mesa posta ou o jantar feito, bastava que estivesse ali alguém que me sorrisse assim que abrisse a porta, que me fizesse companhia, que me ouvisse quando eu precisasse, que me contasse como foi o dia, que respeitasse os meus silêncios quando necessários. alguém que soubesse exatamente o que eu penso, sem que fosse preciso eu falar, que me trouxesse uma manta para me tapar quando eu adormecesse no sofá a ver um filme. alguém que me desse a mão sem eu esperar, que me trouxesse um queque de chocolate para afogar as mágoas, um copo de sangria para comemorar ou uma flor só porque sim.

há dias em que queria ter junto a mim alguém soubesse a importância que um abraço tem ao acordar.

 


tags:

publicado por Uma história por dia às 13:51
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim
.Abril 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

21

22
24
25
26
27
28

29
30


.posts recentes

. medo de perder

. long ago

. da tristeza

. hoje

. da simplicidade

. escolhas

. mood

. my valentine

. a curva da felicidade

. love

.arquivos

. Abril 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

.tags

. todas as tags

.links
.pesquisar
 
blogs SAPO
.subscrever feeds